Dr. Aron Stephen Toczek Souza*

O tempo dedicado aos pacientes e ao trabalho médico em si é o mais importante a se

preservar para o profissional capixaba. Por isso, o Conselho Regional de Medicina do Espírito

Santo (CRM-ES) investe cada vez mais em um caminho digital, para reduzir a burocracia – um

compromisso da nova Diretoria –, e para melhor informar a todos, onde é que eles estejam.

A oferta de serviços on-line e seguros no site de CRM-ES foi acelerada com a pandemia da

Covid-19, em função das restrições de circulação social e da segurança de todos. Parte dessas

medidas, especialmente as administrativas, seria adotada com o tempo, mas com a crise

provocada pela pandemia foi preciso um esforço interno para antecipar todo o processo, o que

resultou em novas ferramentas para facilitar a vida do médico.

Mais do que serviços administrativos

Mas os serviços digitais, que fazem parte do programa para reduzir a burocracia no Conselho

de Medicina, foram muito além das medidas administrativas. Outras ações adotadas

beneficiaram toda a categoria, principalmente os médicos do interior, como as audiências on-

line, nos casos de sindicâncias e de processos éticos profissionais.

Em geral, boa parte das dúvidas em sindicâncias ou processos são dirimidas nessas audiências,

evitando que denúncias que tecnicamente não têm respaldo, prosperem. Se elas podem ser

feitas de forma on-line, evitando, muitas vezes, longos deslocamentos, atendem aos anseios

do profissional envolvido, poupando-lhe tempo e trabalho.

Outro avanço está relacionado ao aumento da oferta de cursos, de palestras, de atualizações

técnicas, por meio de webinares, podcasts e eventos científicos on-line. Esses eventos são,

depois, gravados e disponibilizados para consulta/pesquisa no nosso canal de YouTube. Além

disso, reuniões on-line com equipes das Delegacias Seccionais e do Conselho Federal de

Medicina (CFM), a realização de debates e reuniões de Câmaras Técnicas ajudam a difundir e

facilitam o acesso do médico à informação. Uma grande evolução para toda a categoria.

Todos esses avanços, no entanto, não nos acomodam. Queremos, na gestão do Conselho,

muito mais e continuamos a estudar medidas que podem contribuir para que o médico

dedique mais do seu tempo à essência do seu trabalho.

Toda nossa ação é e será pautada em você, profissional capixaba, que ganha com um Conselho

que aprimora sua prestação de serviço e pode dedicar mais do seu trabalho a ações

fundamentais para toda a classe médica, como a fiscalização das condições técnicas e físicas

que são oferecidas para que o médico exerça sua função com segurança e capacidade de

prestar um bom atendimento à sociedade.

Essas medidas nos aproximam, médicos e Conselho de Medicina, e transformam nossa luta em

uma só: melhorar ainda mais a qualidade da medicina praticada em todo o Estado do Espírito

Santo. Bom para você, bom para o CRM-ES, bom para a sociedade.

 

*Dr. Aron Stephen Toczek Souza é vice-presidente do CRM-ES

* Os textos para esta seção devem ser enviados para o e-mail imprensa@portalmedico.org.br, acompanhados de uma foto em pose formal, breve currículo do autor com seus dados de contato. Os artigos devem conter de 3000 a 5000 caracteres com espaço e título com, no máximo, 60.
Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.