O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESPÍRITO SANTO ingressou com Ação Civil Pública em face do Governo do Estado objetivando acabar com as péssimas condições de atendimento que têm sido oferecidas a população usuária do Hospital São Lucas, obrigando o Governador e o Secretário de Saúde do Estado a tomarem providências no sentido de reparar as diversas falhas detectadas na Fiscalização de 30/07/2013 e da qual participaram o SIMES e a AMES.

Com esta medida, pretende o CRM-ES o reparo de todas várias falhas estruturais (banheiros sem condições de uso, acondicionamento inapropriado do lixo hospitalar, ausência de espaçamento mínimo e separação entre leitos masculinos e femininos, higienização e limpeza deficientes, conforto térmico precário, inclusive, nos banheiros), além da expressa proibição de atendimento e manutenção de pacientes em macas de qualquer tipo nos corredores e em outros ambientes não destinados ao específico acolhimento de cada caso.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.