O Conselho Regional de Medicina do Espírito Santo (CRM-ES) repudia veementemente o valor da remuneração oferecida pela Prefeitura de Aracruz no processo seletivo aberto neste mês de maio para contratação de novos médicos.

Pela notícia divulgada na última terça-feira (3/5), está prevista a contratação de profissionais para integrar as equipes dos programas Saúde da Família, Saúde Indígena, Atenção à Saúde, dentre outros.

É desrespeitoso com a classe médica o valor proposto pela Prefeitura de Aracruz, que oferece R$ 1.788,35 para clínico geral e pediatra cumprirem 20 horas semanais de carga horária; e R$ 3.576,64, por 40 horas semanais, para o Médico da Família e Comunidade.

Não é recomendável a participação em qualquer processo seletivo ou assinar contrato de trabalho com esses valores. O piso salarial, para 2016, divulgado pela Fenam é de R$ 12.993,00, para 20 horas semanais.

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.