O Presidente e o Primeiro Secretário do Conselho Regional de Medicina do Espírito Santo (CRM-ES), respectivamente, Carlos Magno Pretti Dalapicola e José Renato Harb, são os representantes do CRM-ES nas câmaras técnicas de Medicina do Trabalho e de Cirurgia Plástica.

No dia 13 de abril eles participaram de reuniões em Brasília para debater temas específicos às suas áreas de atuação. No que diz respeito à Medicina do Trabalho, Carlos Magno Pretti Dalapicola (médico do Trabalho) participou dos debates a respeito da revisão da redação da proposta de resolução que vai substituir a Resolução CFM nº 1.488/1998, a qual dispõe sobre as normas específicas para o atendimento médico ao trabalhador.

A proposta está em discussão desde janeiro passado e devido à complexidade do tema também foi apresentada à Câmara Técnica de Medicina Legal e Perícia Médica. Agora, o texto da minuta foi revisado e está pronto para ser debatido e votado pelo Plenário do CFM.

Cirurgia Plástica – A Câmara Técnica de Cirurgia Plástica, também reunida no dia 13 de abril, em Brasília, contou com a presença do representante capixaba, José Renato Harb, que debateu a proposta de Termo de Consentimento Informado, a ser assinado pelo paciente que se submeter a cirurgias plásticas. Essa proposta foi apresentada pelo cirurgião plástico Marco Aurélio Jajah Nogueira, designado pelo colegiado. Os participantes fizeram ponderações e apresentaram novas sugestões, dessa forma, o texto voltará a ser debatido na próxima reunião da Câmara Técnica.

Segundo Pedro Nader, coordenador da Câmara Técnica de Cirurgia Plástica, o objetivo é tornar o termo mais claro, evitando dúvidas e termos muito técnicos. A Câmara também debateu protocolos enviados ao CFM, como os que tratavam do jato de plasma e da retirada de costelas flutuantes.

Representação Câmara Técnica CFM

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.